terça-feira, 8 de março de 2011

CAMPEONATO TOCANTINENSE DE XADDREZ 2011

Regulamento Geral do Campeonato Tocantinense Absoluto de 2011

Artigo1º DO OBJETIVO
O presente regulamento tem por objetivo definir normas que regerão o Campeonato Tocantinense Absoluto de Xadrez, em todas as suas etapas, para o ano de 2011, e definir o campeão Tocantinense de Xadrez.

Artigo 2º DAS FASES DE DISPUTA
O Campeonato Tocantinense Absoluto de Xadrez será realizado em duas fases de competição, a saber: a fase SEMIFINAL e a fase FINAL. A fase SEMIFINAL tem por objetivo primeiro, selecionar 8 (oito) enxadristas em três regionais, para a FASE FINAL do campeonato que apontará inequivocamente o Campeão Tocantinense de Xadrez do ano de 2011.

Parágrafo único – cada etapa regional classificatória deve ter o regulamento específico para suas respectivas provas assim como a fase final.

Artigo 3º DA FASE SEMIFINAL
Será composta de quatro torneios, cada um correspondendo a uma cidade previamente selecionada do nosso Estado e com a quantidade mínima de 06 participantes. Os torneios serão abertos à participação de todos os enxadristas regularmente cadastrados na CBX. Tais torneios visam classificar 8 (oito) participantes que integrarão a fase FINAL do Campeonato Tocantinense Absoluto de Xadrez de 2011. Estes 04 torneios também definirão listas de espera para ocupar eventuais vagas na fase FINAL que surjam por desistências dos classificados, respectivamente em cada torneio, sempre se respeitando rigorosamente a ordem de classificação no torneio respectivo.

Parágrafo primeiro - Os torneios serão disputados com ritmo de tempo de reflexão pertinente ao xadrez clássico, à escolha do organizador. A FTX informa os seguintes tempos de reflexão: 60 min KO; 1h 30’ KO; 2h KO, e sugere que se de prioridade ao ritmo de 1:30 h + 30 seg de acréscimo em cada lance efetuado, observando-se rigorosamente as regras da FIDE.

Parágrafo segundo – A final valerá Rating CBX e para tanto os inscritos deverão estar em dia com a CBX no ato da inscrição.

Parágrafo terceiro – A data limite para realização das Semi finais, será o dia 26 de setembro de 2011. Os resultados devem ser informados impreterivelmente até o dia 27 de setembro de 2011. Os Classificados devem confirmar presença na Fase Final (que será de 08 e 09 de outubro) até o dia 01 de outubro de 2011.

Parágrafo quarto - Em caso de empate na pontuação entre dois ou mais jogadores, para efeito de classificação serão utilizados, nesta ordem, os seguintes critérios de desempate:

1. MILÉSIMOS MEDIANOS
2. MILÉSIMOS TOTAIS
3. PONTUAÇÃO PROGRESSIVA
4. MAIOR NÚMERO DE VITÓRIAS

Artigo 4ºo DA PREMIAÇÃO
A premiação poderá variar em cada etapa da semi-final, mediante a patrocínios ou apoios adquiridos, e divulgada no regulamento específico de cada etapa.

Artigo 5º DA ARBITRAGEM
As etapas em que valerão Rating Nacional, deverão ser arbitradas por profissionais regularizados na CBX, e as etapas que valerão Rating Local, deverão ser arbitradas por profissionais regularizados na FTX. (duvidas neste artigo, consultar o Diretor Técnico (israel_fillip@hotmail.com).

Artigo 6º DA FASE FINAL
Visa definir o Campeão Tocantinense Absoluto de Xadrez do ano de 2011.
Será realizada na cidade de Palmas com participação restrita aos 8 (oito) enxadristas semifinalistas, reconhecidos e aprovados pela Federação Tocantinense de Xadrez, a partir de critérios previamente estabelecidos neste regulamento. O torneio será disputado com o tempo de reflexão de 61 minutos KO. O sistema de emparceiramento será o Schuring, observando-se rigorosamente as regras da FIDE. IMPORTANTE - A fase Final valerá rating CBX, portanto os classificados nas semifinais deverão quitar a anuidade da CBX para participar.
Os critérios de desempates da final serão definidos seguindo os critérios de desempates do sistema Roud Roubim.

Artigo 7º Dos PARTICIPANTES
As etapas em que valerão rating nacional será aberta a todos os enxadristas cadastrados e com a sua anuidade em dia com a CBX. Os jogadores não federados na CBX pelo Tocantins poderão participar de todas as etapas classificatórias, porém, só poderão participar da final jogadores federados pelo Estado do Tocantins.
OBS: E os mesmos só poderão participar da final do Tocantinense se por ventura constar a sua filiação como TO, no site da CBX, até a data da sua confirmação de participação na final do tocantinense (Obedecendo o período de confirmação).

Artigo 8º DOS CRITÉRIOS DE INGRESSO NA FASE FINAL
As 8 (Oito) vagas da fase FINAL serão assim preenchidas:
CIDADE TORNEIO ORGANIZADOR VAGAS DATA
Palmas Etapa Cassificatória FTX 2 26 e 27/03/2011
A definir Aberto do Tocantins FTX 2 20 e 22/05/2011
Araguaína Etapa Classificatória FTX 2 06 e 07/08/2011
Gurupi Etapa Classificatória FTX 2 03 e 04/09/2011





Total de Vagas 08

Obs: Caso a regional não tenha classificados, as vagas serão distribuídas por igual para as etapas classificatórias que realizaram as atividades.

QUADRO DE PRAZOS

1. Publicação do Folder 09 de Março de 2011
2. Realização das Semifinais - Março a Setembro
3. Informação Oficial dos Classificados 27 de setembro de 2011
4. Confirmação de presença na Final em Palmas 01 de outubro de 2011

Lembrar os prazos específicos, para o caso de torneios valendo Rating CBX.
§ 1º - Se algum classificado declinar de sua participação nesta fase, a FTX convocará o enxadrista imediatamente posicionado abaixo na lista classificatória do respectivo evento. Em hipótese alguma será aceita outra forma de preenchimento de vagas decorrentes dos casos expostos acima.

Artigo 9º DOS CASOS DE DESISTÊNCIA
Se algum enxadrista desistir ou abandonar em curso a quaisquer dos torneios das fases SEMIFINAL ou FINAL, sem justificar previamente a FTX os motivos plausíveis para tal comportamento, será automaticamente suspenso pelo período de 01 (um) ano das atividades enxadrísticas oficiais promovidas no Estado do Tocantins, podendo esta suspensão ser convertida em multa no valor de uma anuidade CBX, exceto em caso de reincidência.

Parágrafo primeiro – Serão considerados os motivos justificáveis:
I – Problema de saúde devidamente comprovado por atestado médico;
II – óbito familiar;
III – Caso fortuito ou de força maior devidamente comprovado.

Parágrafo segundo – Os motivos justificados não dão direito ao jogador a futuramente reivindicar o resultado da partida.

Artigo 10º DAS INSCRIÇÕES

As inscrições serão analisadas, definidas e divulgadas no regulamento específico de cada etapa.

Artigo 11º DOS CASOS OMISSOS
Os casos omissos serão julgados e deliberados pela Diretoria da Federação Tocantinense de Xadrez.

Palmas, 09 de Março de 2011

___________________________
Eriberto Nascimento Santos
Presidente da FTX

___________________________
Israel Fillip da Silva Pontes
Diretor Técnico da FTX

Nenhum comentário:

Postar um comentário